07/05/08

PORTIMÃO AIR FESTIVAL 1ª. EDIÇÃO!







(Clique em cima das fotos para ampliar)
Galeria de fotos, inéditas, de autoria de Deolinda da Encarnação!

7 comentários:

Pedro da Silva disse...

É nestas porcarias que a câmara gasta o dinheiro dos contribuintes. Dos informados e dos nada informados (que permitem, contribuem e não denunciam este novo circo Cardinal). Se alguém aparecer com fome à porta da câmara a pedir dinheiro para comer ou para uma cadeira de rodas dizem que não têm. Mas depois há milhões para estes festivais popularuchos que nada promovem para além da estupidez e da poluição. Assim vai a nossa sociedade.
Pedro da Silva

Schnauser disse...

Cada vez estou mais convencido que o VELHO DO RESTELO era de Monchique.

Schnauser

Pedro da Silva disse...

Talvez o senhor Schnauser e outros não saibam que o chamado “Velho do Restelo” (dos “Lusíadas” de Camões) era um velho sábio, lúcido e crítico, que chamava a atenção para o facto dos Portugueses irem procurar lá fora (na Expansão e nas Descobertas) aqui que já existia cá dentro. Foi por isso que Portugal se atrasou no contexto europeu. Os navios carregados de especiarias e outras riquezas saqueadas no Oriente, apenas passavam por Lisboa a caminho do norte da Europa, onde iam ser trocados pelos produtos alimentares e outros de que o reino precisava e que aqueles que embarcaram deixaram de produzir.
Infelizmente, sempre faltou a Portugal é massa crítica.
Pedro da Silva

Schnauser disse...

Tanto azedume, porquê?!!!

Schnauser

Rita Vieira disse...

Tem razão o Sr. PS. A maior parte das pessoas que utilizam a expressão “Velho do Restelo” não sabem o que ela verdadeiramente significa. E os que mais a utilizam são os políticos aldrabões. Além disso, quem é o Português que hoje conhece “Os Lusíadas” !? Talvez nenhum!
Rita Vieira

Robin dos Bosques disse...

O velho do Restelo era um personagem fícticio que personalizava os cépticos da época, aqueles que não tendo coragem para tomar iniciativas criticam tudo o que os outros fazem. Esses são os velhos do Restelo a que Herr Schnauser se referia.
Quando pretenderem pôr em causa o sábio pensamento de Herr Schnauser, reflitam primeiro para não cairem do cavalo.
Passar bem.
Robin dos Bosques

Oscar Alho disse...

Fiquei com a impressão que " a famíla" a olhar para os aviões ou um burro a olhar para um palácio é a mesma coisa: - E porquê?!!! (pergunto eu). - Porque "a famíla" não sabe que estiveram a olhar para os campeões do mundo da modalidade, masculino e feminino. E que a campeã Svetlana Kapanina executou manobras que atingiram os 10 G-force, sem qualquer equipamento de protecção. Não usou capacete, óculos, luvas nem fato anti-G, apenas prendeu o cabelo com o fio dos auriculares. Num dos vôos rasantes via-se perfeitamente.
Seria muito bom que o pessoal aplaudisse a iniciativa para que não se fique com a impressão que o festival foi " dar pérolas a porcos".

Oscar Alho

Veja as fotos que se encontram, em baixo, no final do blogue!

Todas as fotos são referentes ao concelho de Monchique!

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor