03/08/07

BARRANCO DOS PISÕES OFERECE UM AGOSTO DIFERENTE!

(clique em cima da foto para ampliar)
Um local paradisíaco, onde se pode nesta altura do ano passar um dia sossegado, levando consigo a família, onde não se paga nada, longe do bulício das praias, reconhecido por todos por um local aprazível à sombra das suas árvores. Clique aqui para ler uma opinião, abalizada, do ilustre jornalista Armando Alves, do Correio da Manhã, em 2003.

3 comentários:

Anónimo disse...

Que interessante é verificar que em 2003 a Junta estava a arranjar o moinho. passados 4 anos ainda esta a fazer a obra. Que parto dificil este? Aquem ja lá esteve dentro dá para ver que parece de tudo menos um moinho, apesar de ter algumas peças do antigo moinho que ali avia.
É uma vergonha que se gaste dinheiro publico desta maneira, sem um pingo de rigor para preservar as nossas tradições. A boa vontade não basta.
A senhora Presidenta da Junta, é muito nboa pessoa mas nestas coisas de fazer obra parece o seu amigo Tuta, ou pior, ja que ela em todos estes anos ainda nem conseguiu acabar o moinho.
Estamos entregues a um bando de gente que não percebeu ainda que o desempenho dos cargos que têm não é um favor mas um compromisso com a população.

Ou como alguns dizem- Quem nasceu para lagartixa nunca chega a jacaré.

Boas férias Sonhador

Bruno

O q tu queres sei eu! disse...

Se te informasses das reais razões do atraso, não dizias parvoíces. Infelizmente, o atraso não se deve à presidente da junta. Por ela a obra estava acabada há muito, mas sem dinheiro não é possível, já que os fundos que subsidiam a obra não chegam a tempo e horas. Cresce e aparece!
A.

Anónimo disse...

Coitadinha,

Se tu fizeres uma obra e não acabares no tempo previsto es logo multado.
A senhora não tem é unhas para tocar esta viola. Umas festinhas e tal...
Os monchiquenses tem que correr com os incompetentes p'ra não levar isto mesmo até ao fim.

Crameia

Veja as fotos que se encontram, em baixo, no final do blogue!

Todas as fotos são referentes ao concelho de Monchique!

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor