20/05/07

FONTE SANTA DA MALHADA QUENTE!


A TRADIÇÃO JÁ NÃO É O QUE ERA!

Resta as recordações do passado, quando todos os anos vinham gente de todo o lado, principalmente do Baixo Alentejo, na procura incessante de debelar os males de que padeciam, e apoquentavam, nomeadamente reumatismo e dermatoses.

Hoje a afluência deve ser mínima, somente algum ou outro nostálgico do passado, devido à fraca qualidade e o desuso em que o mesmo foi caindo, porque os mais novos estão habituados a outros luxos e não se compadecem com instalações tão rudimentares.

Parece que o proprietário ainda tentou rentabilizá-lo, com modernas instalações, mas o excesso de burocracia deve ter acabado com todas as suas ilusões e veleidades.

Resta a fresquidão das árvores, e o local aprazível, para tentar esquecer os tempos áureos em que o mesmo foi fértil.

1 comentário:

ana pinto disse...

Felizmente conheço a tranquilidade de um banho de água aquecida no rudimentar esquentador a lenha, seguido de piquenique à sombra do arvoredo, ouvindo a água correr.
Tenho pena que outros jovem se recusem a experimentar o contacto com a tradição e com a natureza.

Veja as fotos que se encontram, em baixo, no final do blogue!

Todas as fotos são referentes ao concelho de Monchique!

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor