16/05/10

HOMENAGEM AO DR. HUMBERTO MESSIAS!



É este o homem a quem hoje, 16 de Maio de 2010, Monchique prestou homenagem!

Uma homenagem merecida e sentida. Humberto Messias ficará para a posteridade como um marco na história dos filhos da nossa terra, humilde e serrana, que se orgulha de ter alguém com uma tal estatura e um tão digno estatuto de vida.

Embora a frieza dos dados encubra/descubra um admirável percurso de capacidade intelectual de estudo e de competência, a sua carreira profissional – como reconhecido e notável cirurgião – está pontuada, linha a linha, no seu currículo.

No entanto, mais do que o peso destes valores, que o tornam um afamado médico, procurado por muitas das altas e conhecidas individualidades do nosso país, são outros os valores que ficarão a marcar o bronze da sua estátua: esta homenagem é, sobretudo, o reconhecimento público da sua estatura moral.

A simplicidade (quase púdica) com que serve os que dele necessitam, a disponibilidade com que acolhe todos os que o procuram, o carinho e satisfação com que o faz, tornaram-no uma das pessoas “mais importantes” da sua terra, o nome que anda na boca e no coração de todos. E são muitos, muitos, os que dele se têm abeirado, os que a ele têm recorrido, a quem tem valido.

É isso, precisamente, que o torna digno e merecedor da gratidão e do reconhecimento de toda uma população. São os valores da alma que ficarão a habitar e a perpetuar esta estátua, a primeira a ser erguida e merecida por um filho desta terra. É este o homem. Digno do respeito e da admiração de todos os seus conterrâneos.

Texto da autoria de Silva Carriço

11 comentários:

Anónimo disse...

Escultura Hiper-realista? O que vi com a presença do homenageado, no local, deve ser mesmo por eu ser estrábico!

Anónimo disse...

Só não percebo porque lhe fizeram uma estatua em vida...
Talvez quem tenha mandado fazer não saiba que isso obedece a regras de etiqueta precisas.
O povo diz é muito bem... a ignorância...

Anónimo disse...

Melício "O Povoador"
Ainda bem que houve algumas pessoas que se lembraram de fazer uma homenagem ao Dr. Messias com apoio oficial.
Como o concelho tem déficit de população nada melhor que acrescentar mais umas criancinhas e outras criaturas às já existentes nesta Vila por obra e graça do Sr Melício que assim contribui grandemente para o aumento da população local.
No que toca ao homenageado que segundo se diz não queria ficar sózinho no monumento (prova de sensatez e humildade). Penso que a ideia seria partilhar com outros ilustres da terra, neste caso clínicos que viveram, trabalharam e alguns até lecionaram em Monchique.
Os proponentes não perceberam a mensagem do homenageado. Por omissão ou esquecimento não se lembraram dos outros e vai daí o Sr. Melício pespega para companhia três inocentes criancinhas com passarinhos e já agora podia acrescentar umas borboletas.A figura feminina que faz parte do conjunto mais parece tetraplégica ou da má vida como ouvi comentar.Como se não bastasse às já existentes são acrescentadas mais quatro (todas de qualidade artistica muito fraca)o que totaliza cerca de uma duzis do mesmo escultor( nem Miguel Angelo tem tantas por metro quadrado no mesmo local).
Já agora façam o favor de contratar o mesmo senhor para os próximos homenageados mas por favor coloquem-nas noutras freguesias do concelho que também estão desfalcadas de vizinhos porque aqui em Monchique Vila já basta de poluição à Melício.
Convem não esquecer a saga do roubo das esculturas.Nada foi esclarecido mas "alguém" sabe o que aconteceu.
Quem terá lucrado?

Resumindo, falta de bom senso e bom gosto.

Aquiles (sem calcanhar)

P.S. Nada de mal entendidos a homenagem foi mais que merecida, mas mal esculpida.

Anónimo disse...

Não assisti há homenagem do Dr. Messias porque não me encontrava em Monchique.Lamentei!
Agora ao ver as fotos do blogue felicito-me pelos meus afazeres fora deste ainda "antro".
Não consigo perceber o que certas pessoas faziam junto de uma pessoa inteligente, pura, simples, honesta e de tão elevado profissionalismo.
Há 27 anos atrás iniciaram a destruição da nossa Vila e será que agora permitem a sua conclusão?
Cuidado com esses fracos profissionais que com muita habilidade tentam voltar à RIBALTA.

Corga da Ervilha

Anónimo disse...

Ainda gostava de saber qual foi o crânio que teve a ideia de colocar as estátuas naquele sitio.. Como é possivel que este executivo se preste e entre nestas palhaçadas? Que coisa ridicula!!
O senhor a quem foi feita a homenagem não tem culpa deste circo..
Merecia ser homenageado pela sua dedicação ás pessoas da terra, simplicidade, humildade e empenho desinteressado que tem demonstrado ao longo dos anos..

A maior parte das pessoas não soube quando e onde era a homenagem,mais uma vez a divulgação falhou... O que vem sendo uma constânte...

O almoço foi para os convindados engravatados que não contribuiram em nada e o povo que pagou a estátua ficou a olhar... Fizessem um almoço convivio com a população e respectivo homenageado... Era muito mais bonito e fazia todo o sentido, cada pessoa pagaria o seu, e havia hipotese de conviver...

Se estavamos mal, agora pior estamos...

É só arrogância que se passeia pelos nossos passos de concelho...

Anónimo disse...

Tanto o antecessor como o sucessor ficaram muito mal na chapa.
O antecessor era um ser desprovido de sensibilidade, não sabia distinguir um boi de um palácio.A comissão (muito bem constituida!!!)muito sensivel à arte, aliás está à vista as obras espalhadas pela vila que tiveram o lápis e o estirador de um dos elementos da bem constituida colmissão.
O sucessor com toda a sua, inesperiencia nestas lides,surdez, vaidade, arrogancia e teimosia...

como diz o ditado "quem quer ver um pobre soberbo dei-lhe a chave de um palheiro".

Todos estes atributos e contributos resultaram naquela catástrofe....

Anónimo disse...

Ao Sr anónimo das 15:59, é só pôr os neuronios a trabalhar que fica logo a saber quem foi o cranio que escolheu o local.

Com certeza viu a homenagem... de longe, claro!

Também viu as fotos deste blogue, claro!

Olhe com atenção para as pessoas que rodeiam o homenageado no local onde ficaram colocadas as celebres estátuas e logo,logo fica a saber quem foi o bendito crânio.É CLARO como água!

Anónimo disse...

Com todos estes estranhos comportamentos conseguem perceber de que lado estão os actuais ocupantes dos Paços do Concelho?

Estão na margem direita ou na margem esquerda da ribeira do Ambrósio?

Anónimo disse...

Parabéns Dr. Messias!!

Só um homem de grandes qualidades,
e com capacidade para engolir em seco este circo que lhe foi montado, estaria presente nesta homenagem. Sei que veio por obrigação e não de livre vontade como seria o ideal.
Após tantas histórias, desde o desaparecimento da estátua(que pelos vistos nunca saiu do lugar onde sempre esteve),datas marcadas e apontadas para a homenagem que foram sendo adiadas vezes sem conta, enfim... Só mesmo um GRANDE HOMEM!!

Seria uma boa matéria para o "Nós por CÁ"

São Cruz disse...

É com muito agrado que vejo finalmente uma gesto visivel de agradecimento /reconhecimento por parte da nossa vila a este Senhor de tamanho valor,humildade e sabedoria.Sempre disponivel para acolher a quem o solicita, incapaz de fechar a porta sem uma solução, incapaz de não atender um telefone. Bem haja DR Messias, por tudo o que fez e continua afazer. Na verdade as pessoas são o que são, fruto das vivencias e da educação e não são porque querem ser ou porque é politicamente correcto. Sei perfeitamente quando e de onde surgiu a ideia de homenagear este SR e também sei que foi proposto dar-lhe o nome á Escola C+S, ou mesmo a uma Rua ou Largo. Não foi aprovado mas eu teria gostado mais e a minha mãe também. DR Messias o meu eterno obrigada.

ze da fontechoroes disse...

e pena cada qual puxar a carroca para o lado que lhe convem o dr e uma pessoa simples e boa nao merece que facam tanto alarido a volta dele,ja agora nao deixem as estatuas ao abondono.obrigado

Veja as fotos que se encontram, em baixo, no final do blogue!

Todas as fotos são referentes ao concelho de Monchique!

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor

as mesmas são propriedade deste blogue e do seu autor